Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Operação João de Barro

Cerâmicas e olarias são multadas por crimes ambientais

Multas chegam a R$ 21,5 mil | 28.05.13 - 20:20 Cerâmicas e olarias são multadas por crimes ambientais (Foto: Batalhão Ambiental)
Marina Morena

Goiânia -
Diversas empresas e indústrias ligadas à utilização de matéria-prima natural foram autuadas e multadas, próximas às cidades de Alexânia (GO) e Abadiânia (GO), nesta segunda-feira (27/5).
 
A operação, denominada “João de Barro”, foi desencadeada pelo Comando do Policiamento Ambiental em conjunto com o Grupo de Radiopatrulhamento Aéreo da Polícia Militar (Graer), além de fiscais da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh).
 
Segundo a polícia, foram detectadas irregularidades ambientais no funcionamento destas empresas. Ao total, foram abordadas cinco propriedades rurais, 26 cerâmicas, oito olarias, 50 pessoas, 15 veículos e uma draga.
 
O resultado da operação é de 27 boletins de ocorrência por crimes ambientais, oito autos de infração que culminaram em multas num valor total de R$ 21,5 mil, sete autos de advertência, um termo de notificação, um termo de embargo/interdição, além da apreensão de 40 mil tijolos.

Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351