Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351

Após escândalo

Venda de empresa de Harvey Weinstein está em discussão

Produtor nega acusações de assédio | 13.02.18 - 09:06 Venda de empresa de Harvey Weinstein está em discussão (Foto: Just Jared)
São Paulo - Uma proposta de venda da The Weinstein Co. está em discussão depois que o procurador-geral de Nova York apresentou um processo argumentando que qualquer acordo teria que incluir garantias de compensação financeira para mulheres assediadas ou abusadas pelo co-fundador Harvey Weinstein.

O processo, apresentado no domingo (11/2), acusa o produtor de filmes de assédio sexual contra as empregadas "repetidamente e persistentemente", em violação do leis estaduais.

O escritório do procurador-geral disse que o processo foi apresentado em parte devido a relatos de uma venda iminente da empresa de cinema a um grupo de investidores liderado por María Contreras-Sweet, que era a responsável pela Agência Federal par Pequenas e Médias Empresas, sob a presidência de Barack Obama.

Weinstein negou repetidamente qualquer acusação de sexo não consensual. Seu advogado em Nova York emitiu um comunicado dizendo que qualquer reclamação contra o cliente "falta de mérito". (Agência Estado)

Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351